quarta-feira, 30 de outubro de 2013

19/10/2013 - Mini maratona Santos Dumont - Base aérea

Mini maratona Santos Dumont - Base aérea
Fotos da Corrida
Esse foi o meu retorno às corridas de 10 Km. A última que havia feito sem o problema da lesão foi há praticamente 4 meses. Senti pouco de receio inicial, mas logo passou.

A mini maratona Santos Dumont é uma das que eu consegui participar por 5 anos consecutivos, desde que comecei a correr. É uma corrida gratuita e realizada dentro da base aérea de Florianópolis com um percurso já bem conhecido, sem muito trânsito de veículos e com alguns morros desafiadores. Este ano foram no início.

Cheguei para a prova com uma sensação de iniciante, sem saber direito a estratégia que iria adotar. Decidi então largar bem conservador, mesmo porque o início seria pelos morros.

Mais de 250 atletas largaram para o percurso com distância única de 10 Km, na verdade era aproximadamente 9,640 Km.

Optei por largar mais atrás e ir aumentando o ritmo a medida que fosse me sentindo melhor. Os primeiros 200 metros não teve muito jeito mesmo. Não havia espaço para dispersão e tocamos no ritmo quer era possível.

Esse ano a parte dos morros foi novamente no início da prova. Ainda não sei dizer se é melhor enfrentá-los no início ou no final. Mas a medida que chegávamos perto foi ficando mais fácil para correr pois iam se abrindo os espaços. Minha intenção era não caminhar nessa primeira parte e também não se desgastar muito. Foi o que fiz.


Vencido a parte dos morros nos 2 Km iniciais, era hora de estabilizar e aproveitar o percurso todo plano e em asfalto. O duro é que com essa primeira parte mais puxada, tanto as pernas como o fôlego já não estavam mais nas melhores condições. 

Retomando ao percurso plano fomos em direção a entrada da base aérea. São quase 4 Km para ir e 4 Km para voltar. A parte da ida, fui tentando encontrar o ritmo ideal. Na média foi razoável, mas com parciais que normalmente faria mais baixas.

A volta já foi bem mais sofrida. Eu tentava segurar o ritmo, mas o meu corpo pedia para parar. Fui brigando com ele até o 8o. Km. Mas em um dos postos de água não tive como evitar. Dei uma caminhadinha enquanto me hidratava. Não perdi muito tempo, cerca de 15 a 20 segundos, mas acho que foi melhor assim para me recompor um pouco.

Em seguida, voltei ao ritmo que estava e pude concluir a prova com o tempo líquido de 47min05s. Nada muito mal para quem estava voltando aos 10 Km. Meu tempo do ano passado tinha sido de 46min46s. Comparando os tempos, percebi que se tivesse feito o primeiro quilômetro mais forte, ou não tivesse dado a paradinha poderia ter melhorado esse tempo. Mas isso vai ficar para o ano que vem.

Fiquei muito contente por nem ter lembrado da lesão da perna durante a corrida.

Aguardamos com o pessoal a entrega da premiação, com muitas frutas, água e fotos. Depois fomos comemorar o aniversário do amigo Jacks, que aliás, foi a melhor parte.

 Dando uma espiadinha nas aeronaves da base aérea
 Chegando para a corrida com a contribuição dos alimentos
A vez da criançada
Assistindo a entrega da premiação 
Foto da galera com o campeão e vice-campeão
A melhor parte: aniversário do Jacks
Local: Base aérea FLN/SC

Data: 19/10/2013 
Horário: 16:00 Hs 
Distância: 10Km (9,640 Km)  

Inscrição: Gratuita, com doação de 2 Kg de alimentos   
Kit: Número de peito.

Tempo: 47min05
Pace: 4:53 min/Km

Colocação: 014 de 023 (categoria 40-44 anos)
Colocação: 099 
de 204 (masculino)
Colocação: 101 de 264 (geral) 

domingo, 27 de outubro de 2013

13/10/2013 - Corrida das crianças amiguinhas do Pereba - FLN/SC

Corrida das Crianças amiguinhas do Pereba - FLN/SC
Resultado

De última hora decidi participar da Corrida das crianças do Analto. Pela manhã eu tinha participado da T&F Run series em Balneário Camboriú na distância de 5 Km. Como estava me sentindo bem quis encarar mais essa corrida em ritmo de treino.

Chegando por lá, estavam os velhos atletas de sempre que gostam de correr e ajudar na causa do Analto. E todos de alto nível. É incrível como tem gente da minha categoria de 40-44 anos. Dos 43 atletas participantes, 10 eram da minha categoria. Muito concorrido.

Larguei lá atrás, quase em último mesmo. Não iria forçar principalmente no início da corrida que começa com um belo morro acima. Só vi o pessoal disparando na frente.

Tenho que reconhecer que não correr no limite é bem mais tranquilo, mas também da a sensação de que não estamos fazendo o nosso melhor. E eu nem devia mesmo, pois ainda estava voltando a correr as distâncias maiores.

Os dois primeiros morros foram bem mais tranquilos que das últimas vezes. Mas conforme ia esquentando e entrando no clima da prova quis ir aumentando o ritmo. Na ida foi tudo bem, pois começar mais conservador permite fazer isso. Aos poucos fui conseguindo não ficar tão para trás, fazendo algumas ultrapassagens. Essa é a vantagem de largar no fim.

1º Km – 05:13
2º Km - 05:02
3º Km – 05:11
4º Km – 04:49
5º Km – 05:31
770m – 03:55






Após o retorno eu já estava me sentindo melhor e consegui acelerar um pouco mais o ritmo. Apesar disso a sensação que eu fiquei é que não estava ainda na melhor das minhas formas, pois o esforço já estava ficando no limite e eu já não estava conseguindo manter o ritmo.
O último morro foi vencido com muito sacrifício, pois é o mais ingrime e na parte final da prova, quando as pernas já estão mais cansadas. Menos mal que consegui subir correndo. Devagar, mas correndo. Ainda deu até pra ter uma disputinha de posição no morro, antes da chegada.

Concluí a prova com o tempo líquido de 29min07s. Bem longe dos meus melhores tempos em torno de 27min. Mas o importante foi que consegui correr sem nenhuma dor na perna. E para mim isso era o mais importante no momento. A partir de agora poderei arriscar correr as provas de 10 Km novamente.

O interessante dessa corrida é que depois temos um bom lanchinho com sucos, frutas e uma deliciosa cuca. Acho que comi uns 3 ou 4 pedaços. Tudo bem familiar. Outro ponto a se destacar é que os próprios atletas acabam escolhendo os seus respectivos troféus.

O podium bateu na trave, fui sexto colocado na categoria, mas o troféu estava garantido. Agora é só esperar a próxima etapa que será a Corrida de Natal, onde corremos vestidos de Papai Noel. É pra fechar o ano !!!


Se preparando para mais uma Corrida das Crianças
A criançada se alongando
6o. colocado na difícil categoria de 40/44 anos
Eu e o seu Komati garantindo os nossos troféus
Esse é o Jocelmo. Campeão da prova e grande revelação nas corridas

Local: Em frente a igreja do Abraão - FLN/SC

Data: 13/10/2013
Horário: 17:00 Hs 
Distância: 5Km (5,77 Km) 

Inscrição: R$ 10   
Kit: Não teve

Tempo: 29min41s
Pace: 5:09 min/Km

Colocação: 06 de 08 (categoria 40-44 anos)
Colocação: 27 
de 38 (masculino)
Colocação: 27 de 43 (geral) 

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

13/10/2013 - Track & Field Run Series - Camboriú Shopping

Track & Field Run Series - Camboriú Shopping
Fotos da Corrida 1
Fotos da Corrida 2
Resultado da Corrida

Essa foi a última tentativa de bater meu recorde nos 5 Km. Já estou me sentindo mais confiante em voltar a correr as provas de 10 Km e nos meus treinos não tenho mais sentido tanto receio das dores.

Fui na véspera para Balneário Camboriú pra não precisar acordar tão cedo, tendo que sair aqui de São José.

Essa foi a minha primeira participação na Track&Field Run Series - Camboriú Shopping e iria encontrar pela frente um percurso diferente das provas normalmente realizadas na cidade de Balneário Camboriú. Foi aos arredores do Shopping.

A largada ocorreu as 8 horas e contou com a participação de aproximadamente 370 atletas, sendo que pouco mais de 220 participaram da distância de 5 Km e o restante na distância 10 Km.

Novamente larguei posicionado mais a frente e mais forte que deveria, mas me arrependi profundamente em seguida. Fiz novamente o tempo dos meus tiros no 1º Km. Isso significava que tinha largado praticamente no meu limite.

Dessa vez, com um percurso mais acidentado e mais cheio de dobras nem o 2º Km consegui sustentar um ritmo razoável. Acho que a maioria saiu bem forte, fui tentar acompanhar e acabei exagerando.

1º Km – 04:00
2º Km - 04:31
3º Km – 04:41
4º Km – 05:07
5º Km – 04:53

Das minhas últimas tentativas de fazer forte os 5 Km essa foi a pior. Logo depois dos 2 Km aquela vontade de querer caminhar chegou rapidamente. Estava totalmente sem fôlego. Tentei reduzir um pouco no 3º Km mas mesmo assim não aliviou muito.

Já perdi o medo de caminhar um pouco. É uma vergonha fazer isso em provas de 5 Km, mas às vezes está sendo até melhor pra me recompor. Só que dessa vez eu exagerei. Tive que fazer umas 3 caminhadas rápidas praticamente no 4º Km. Não teve jeito.

Depois disso foi só tentar terminar mesmo. Preciso treinar mais pra me controlar na saída e não comprometer o restante da prova. Completei o percurso, que teve os exatos 5 Km, em um tempo líquido de 23min10s. Muito longe do sub 21min30s que eu gostaria.

Depois ficamos aproveitando a estrutura do evento. Muitos amigos da grande Florianópolis também estavam por lá, participando e correndo de ritmistas da prova. Ah, deu pra trazer bastante atum pra casa !!!

Muito bom fazer uma corrida diferente em outras cidades e com uma excelente estrutura.

Galera de Floripa na área
Momentos antes da largada
Terminando o aquecimento
Acabando o gás
Enfim a chegada
Eu e o Jacks com Giovani Martinello, muito simpático

Local: Camboriú Shopping - Balneário Camboriú/SC

Data: 13/10/2013 
Horário: 8:00 Hs 
Distância: 5Km (5,01 Km) 

Inscrição: R$ 97,60 
Kit: sacola.camiseta, meia, porta cápsula, sucrilhos, chip e número do peito.

Tempo: 23min10s
Pace: 4:33 min/Km

Colocação: 002 de 010 (categoria 40-44 anos)
Colocação: 021 de 097 (masculino)
Colocação: 025 de 223 (geral)

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

06/10/2013 - Corrida pela Paz


Essa é a minha 5a. participação seguida na Corrida pela Paz. Foi uma das provas que participei ainda em 2009 e uma das que ajudaram a me motivar para continuar.

Uma vez que ainda não estava preparado para correr os 10 Km, decidi optar pela participação na prova de 5 Km. Novamente com a intenção de tentar bater o meu recorde pessoal na distância.

A inscrição eu ganhei do Podcast "Por falar em Corrida". Legal que a camiseta veio com o logotipo personalizado. Para a participação era obrigatório a utilização da camiseta do evento. Nesse ponto eu não me importo se a camiseta for apropriada para correr e estiver no tamanho certo. No meu caso foi tudo perfeito.

As inscrições tinham se encerrado antes com o total preenchimento das vagas. Muita gente ainda ficou na lista de espera.

Ao contrário da data inicial programada, dessa vez o tempo colaborou e não tivemos problemas com a chuva, o que permitiu um evento bem legal, com a participação de mais de 1.000 atletas concluintes.

Fiquei contente em encontrar o Delmar, que trabalha comigo, e que estreou na prova de 5 Km, concluindo muito bem a sua primeira corrida. 

Tentando não perder muito tempo na dispersão, larguei mais a frente. Eu só acho que exagerei no começo com a empolgação da largada. Isso eu não aprendo nunca. Meu 1º Km foi praticamente o meu melhor tiro de 1 Km (3min58s), que faço normalmente no limite. E ainda faltavam mais 4 Km. Que sofrimento.

2º Km logicamente não foi tão bom quanto o primeiro, mas dentro do esperado. O problema é que a essa altura o folego vai faltando e diminuir o ritmo é inevitável. Parada para beber água nem pensar em provas curtas.

1º Km – 03:58
2º Km - 04:19
3º Km – 04:27
4º Km – 04:43
820m – 03:45


Ainda tentando não sair muito do ritmo fiz o retorno no 2,5 Km motivado. Enquanto estava voltando observava a quantidade de corredores que ainda seguiam do outro lado. Isso fez com que eu não deixasse a vontade de caminhar me vencer.

Porém, no 4º Km mal estava conseguindo respirar e tive que aliviar mais um pouco. Já sabia que recorde pessoal não daria mais. Não consigo ainda sustentar o meu ritmo mais forte após o 3º Km. Sei que é só mais um pouquinho, mas é muito sofrido.

Iria tentar então um sub-22min, que já seria um resultado satisfatório. É sempre bom termos um objetivo para não desistirmos de vez. Consegui concluir a prova em 21min10s. Por um curto espaço de tempo tinha ficado muito feliz pelo resultado, mas durou só até eu ver que o percurso tinha uns 190 metros a menos para completar os 5 Km.

Não dá nada. Eu já estava contente de poder voltar a correr forte, mesmo que por uma distância mais curta e sem sentir dor alguma.

Como cheguei rapidinho em relação ao pessoal dos 10 Km, fiquei assistindo e registrando a chegada dos amigo

Aguardei também pra ver a premiação, que atrasou por conta da falta de pontos de controle entre as distâncias de 5 Km e 10 Km, e que acabou prejudicando a apuração do resultado, Outro ponto que causou polêmica foi a exigência de utilização da camiseta da prova, determinada no regulamento.

Enquanto isso pudemos comemorar o aniversário da nossa amiga Liz, que completava mais um ano de muito sucesso e muita saúde. Tivemos até um bolinho integral. Muito bom, por sinal. Parabéns, minha amiga. A festinha pós corrida estava show !!! Tudo muito saudável.

Largada da Corrida pela Paz
No percurso
Chegada sofrida
O sol estava ficando mais forte e encontramos um cantinho pra nos abrigar
Delmar estreando e ganhando a sua primeira medalha nos 5 Km
Parabéns, Liz. Adorei o bolo e a festinha !!!

Local: Beira mar Norte - FLN/SC

Data: 06/10/2013 
Horário: 8:30 Hs 
Distância: 5Km (4,81 Km) 

Inscrição: R$ 20,00 (ganhei do PFC)    
Kit: camiseta, chip descartável e número do peito.

Tempo: 21min10s
Pace: 4:24 min/Km

Colocação: 006 de 043 (categoria 40-44 anos)
Colocação: 046 de 314 (masculino)
Colocação: 050 de 680 (geral)

terça-feira, 8 de outubro de 2013

29/09/2013 - Maratona Internacional de Florianópolis

Maratona Internacional de Florianópolis / SC
Agora eu estava liberado pelo médico, mas somente para fazer parte da maratona ou a prova dos 10 Km. Entretanto, devido a minha insegurança optei por fazer somente a prova de 5 Km. Dura decisão, pois até a véspera da semana da maratona estava até pensando em tentar fazê-la somente para concluir, mas avaliei e cheguei a conclusão que isso poderia prejudicar a minha recuperação e me deixar fora das provas do final do ano. 

Decisão tomada era hora de traçar o objetivo. Acho que nem deveria, mas é um fator que acaba me motivando nas provas. Preciso correr atrás de alguma coisa. Sabia que seria praticamente impossível nesse meu retorno, mas era o recorde pessoal que faltava nas provas desse ano, melhorar o meu tempo nos 5 Km que é de 21min25s.

Como não participaria da prova principal, a maratona, não senti aquela TPM (tensão pré-maratona) como é de costume, mas ficava imaginando que vários amigos estariam nessa situação.

Fomos eu e Enio bem cedinho, antes da largada da maratona. O Enio iria largar com o grupo da maratona às 7:30 e faria um treino longo visando a sua preparação para a Maratona de Buenos Aires. Eu só largaria uma hora depois com o grupo dos 5 Km e 10 Km.

Sabendo do congestionamento inicial procurei ficar mais a frente. Larguei com vontade. Seria a primeira vez que tentaria correr forte igual a antes da minha lesão. 

Meu primeiro quilômetro foi em ritmo de tiro de 1 Km. Não era para ser assim, pois depois a prova fica sofrida. No 2o. Km ainda na empolgação fiz uma nova parcial muito boa.... e foi só.

1º Km – 04:03
2º Km - 04:10
3º Km – 04:27
4º Km – 04:39
5º Km – 04:40
100m – 0:24



Cheguei até a sonhar em conseguir fazer o meu recorde pessoal dessa vez, mas o rendimento foi caindo muito rapidamente. Tinha me esquecido como essas provas são rápidas e sofridas. No  3º Km, nitidamente vencido pela falta de fôlego o pace aumentou um pouco. 

Aquela sensação de dar uma paradinha para descansar foi aumentando e muito. Eu já estava no caminho de volta e muita gente vindo do outro lado. Pegava mal caminhar um pouco na prova de somente 5 Km. Esperei então todos os atletas passarem do outro lado e já dentro do túnel, com o coração já saindo pela boca, tive que dar uma caminhadinha. Parada rápida, mas necessária para recuperar o fôlego.

Já sabia que recorde pessoal não seria possível, mas um sub-22 ainda dava para brigar. Retomei o ritmo do jeito que dava. Faltava pouquinho a partir do túnel e tratei de acelerar. Passei pelo portal com o tempo líquido de 22min23s. Não tinha dado nem para fazer o sub-22, mas também a distância estava um pouquinho maior. Dessa vez sem problemas, pois estava contente pelo meu retorno mais forte, sem dores e já chegando próximo do que era o meu limite.

Aproveitei para me hidratar, comer algumas frutas e depois fui curtir a passagem dos amigos que estavam fazendo a maratona. Me sentia bem e ficou a sensação de que poderia ter corrido uma distância maior. Caminhei então em direção a beira mar norte por cerca de 3 Km. Que vontade de estar lá, ainda mais vendo os amigos passando. 

A uma certa altura a Ju Wutke passou e decidi pegar uma carona e fazer companhia nesse momento que para ela, se aproximava do muro dos 30 Km. Foi muito legal, pois acabei até me sentindo um pouco dentro do clima da maratona e pude acompanhá-la até a entrada do túnel. Tinha dado uns 4 Km. Não podia abusar mais que isso, pois a perna já começava a reclamar. Mas a vontade era de poder acompanhá-la até o final.

Depois voltei pra assistir a chegada dos amigos, que um a um foram se superando e completando com sucesso a maratona. Alguns com muito sofrimento, mas todos guerreiros e vencedores. Estão de parabéns.

Quanto a mim, resta me recuperar e me preparar para a minha vingança no ano que vem. Que venha a maratona de SC 2014 !!!

 Chegando na passarela Nego Quirido
 Prontos para a largada 
 Iniciando a passagem pelo túnel
 Percurso com altos visuais
 Fingindo correr a maratona
Ju na passagem dos 30 Km com esse super visual

Local: Passarela Nego Quirido FLN - SC

Data: 29/09/2013 
Horário: 8:30 Hs 
Distância: 5Km (5,1 Km)  

Inscrição: R$ 78,40    
Kit: sacola, camiseta, meia, pote de atum, toalhinha, chip e número do peito.

Tempo: 22min23s
Pace: 4:23 min/Km

Colocação: 002 de 016 (categoria 40-44 anos)
Colocação: 023 de 198 (masculino)
Colocação: 026 de 419 (geral)